Nota do Diretor

O Instituto de Investigação e Formação Avançada (IIFA) é uma unidade orgânica da Universidade de Évora em funcionamento desde 2009. Tem por missão promover a integração do ensino e da investigação na Universidade ao mais alto nível (sobretudo o 3º ciclo), pugnando pela criação de condições para a garantia de padrões de qualidade que permitam atrair à Universidade mais e melhores alunos. Pretende ser o veículo para uma dinâmica forte, contribuindo para a promoção de uma cultura científica adequada ao desenvolvimento da Universidade e à sua necessária projecção para o exterior, em particular para a região em que se insere e para a sua internacionalização.

Por outro lado, o IIFA  pretende consolidar um caminho que lhe permita ser: 1) uma verdadeira Escola Doutoral  2) dar enquadramento à profissionalização da ajuda  que, por seu intermédio, se dará às Unidades e Centros de Investigação na realização da importante tarefa de desenvolvimento, crescimento e internacionalização da Investigação na Universidade.

Quanto ao primeiro ponto e à semelhança das Escolas Doutorais que vêm surgindo em muitas universidades europeias, o IIFA tem tido como prioridades promover, apoiar e organizar todos os procedimentos associados aos cursos de formação avançada, no que diz respeito ao acompanhamento dos processos de acreditação, funcionamento e integração dos alunos e pretende agora iniciar um período de maior intercambio entre os próprios alunos, criando condições para uma vivência que fomente o espirito de Escola.  Quanto ao segundo ponto o IIFA ajudará a estimular a promoção da  internacionalização na formação avançada e investigação da instituição, apoiando novas iniciativas de colaborações (projectos e programas conjuntos) e o intercâmbio de investigadores ; colocar-se-á à disposição dos seus associados para os ajudar no seu desenvolvimento, em particular no aumento das suas receitas, com a criação de serviços dedicados de gestão de ciência e de propriedade intelectual e  facilitação/conhecimento do acesso a programas de financiamento, regionais, nacionais e europeus; procurará ainda estabelecer sinergias entre a oferta de formação avançada e as capacidades científicas instaladas a nível das unidades de I&D e contribuir para a racionalização e organização de estruturas científicas de uso comum na atividade científica da Universidade de Évora.

O Diretor do IIFA

Prof. Manuel Collares Pereira